Incra-PB vai a Estiva do Geraldo e inicia trabalhos de reconstrução da Casa de Farinha e construção de Poço Artesiano

Técnicos do Incra-PB (Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária) estiveram esta semana no assentamento Estiva de Geraldo, em Lucena, fazendo as medições dos terrenos para a reconstrução da Casa de Farinha e a construção de um Poço Artesiano para a população. Com a construção do poço, de acordo com o secretário de agricultura Maciel José da Silva, o saneamento básico da comunidade, reivindicação antiga da população local, começa a se tornar realidade, graças ao empenho do  prefeito Léo Bandeira (Solidariedade).

O prefeito Leo Bandeira, ao lado do secretário de agricultura Maciel José da Silva e diretores da Associação dos Assentados, acompanharam em tempo real (in loco) os trabalhos de medição dos técnicos do Incra-PB. “Esses benefícios são reivindicações antigas. Desde 2016 que a população do Estiva de Geraldo aguarda esses benefícios”, afirmou Maciel.

A previsão dada pelos técnicos do Incra-PB é que as obras não deverão demorar. Os trabalhos iniciais são as medições dos locais onde serão feitas os benefícios. “É um trabalho de parceria. A Prefeitura de Lucena, na pessoa do prefeito Léo Bandeira, e a Secretaria Municipal de Agricultura tem se empenhado bastante para levar o melhor e atender as necessidades dos assentados desta comunidade”, concluiu o secretário Maciel.

Por Marcos Lima

FLAGRANTES DA PRESENÇA DO INCRA NO ASSENTAMENTO

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *