Ex-prefeito Marcelo Monteiro diz em entrevista que foi “traído” por vereadores que estão no mandato

O PSL teria sido um dos “traidores”, sigla essa usada também pelo vereador Sibiu para se eleger

Sibiu, vereador do PSL

O ex-prefeito de Lucena, Marcelo Monteiro (Cidadania), se disse “traído” por pessoas que durante oito anos tiveram todo apoio dele, dentre eles vereadores que estão no mandato na atual conjuntura política da Câmara Municipal. Sem citar nomes, o recado foi dado especialmente aos integrantes do Partido Social Liberal (PSL), que no Poder Legislativo tem Sibiu e Francisco dos Santos.

As declarações do ex-prefeito foram feitas em entrevista exclusiva aos radialistas Tarcisio Araújo e Ciro, apresentadores do programa “Participação Popular”, na Radio Comunitária Camaçari FM, de Lucena.

“Não me sinto derrotado por Léo e Bolão. Me sinto derrotado pelo meu grupo, por aqueles que estavam comigo, que se diziam estarem comigo. Eu atribuo ao PSL, claro que tem suas exceções, há vários secretários e há vários vereadores de mandato e há vários vereadores pré-candidatos que não tiveram uma postura correta”, disse Marcelo Monteiro.

Segundo o ex-prefeito, que se sente “traído” por essas pessoas, todos eles tiveram ajuda durante os oito anos e que, em vários momentos, deixou de ajudar a própria família para judar os “traidores”.

Ele encerrou esse assunto dizendo que “nem todo mundo tem caráter e postura”.

Por Marcos Lima

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *