Governador atende reivindicação do Sindasp-PB e promete regulamentar Polícia Penal nos próximos 30 dias

Reunião ocorreu na segunda-feira, dia 17

A reunião ocorrida na segunda-feira, 17, entre o Sindicato dos Agentes e Servidores do Sistema Penitenciário da Paraíba (Sindasp-PB) e a equipe da Secretaria de Estado da Administração Penitenciária (Seap), comandada pelo secretário Sérgio Fonseca, teve o efeito imediato. À noite, no programa Frente à Frente da TV Arapuan, comandado pelo jornalista Luis Torres, o governador João Azevedo garantiu que a regulamentação da Polícia Penal será concretizada nos próximos 30 dias, atendendo assim a reivindicação da categoria.

“Essa é uma decisão que já está tomada, nós estamos cuidando apenas do formato, é simplesmente a transformação do agente penitenciário em polícia penal. Não há nenhum tipo de alteração na relação com o Estado para com esses funcionários, até porque esses funcionários já foram beneficiados com o Plano de Cargos, Carreira e Remuneração que nós implementamos no nosso governo”, disse o governador.

João Azevedo garantiu que está sendo finalizada a Proposta de Emenda Constitucional, que transforma a denominação de agentes penitenciários para policial penal. “A regulamentação da Polícia Penal na Paraíba será concretizada nos próximos 30 dias”, afirmou o chefe do executivo estadual.

O Sindasp-PB, representado pelo presidente Manuel Leite de Araújo agradeceu o empenho de toda a equipe da Seap, nas pessoas do secretário Sérgio Fonseca, do secretário executivo  João Paulo Barros, do chefe de gabinete Josinaldo Lucas e do gerente da Gesipe, Ronaldo Porfírio, pela dedicação e atenção como trataram o assunto. O sindicato parabenizou também o Governo do Estado pela sensibildade e atendimento à reivindicaçação.

Na reunião da última segunda-feira, a diretoria do Sindasp-PB discutiu a regulamentação da Polícia Penal com o comando da Secretaria de Estado da Administração Penitenciária, opornidade em que dialogaram e debateram também outras pautas de interesse da categoria.

Por Marcos Lima

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Categorias

%d blogueiros gostam disto: