VBereadores Odon Bezerra e Junio Leandro divergiram na sessão desta terça-feira

Vereadores pessoenses “batem boca” sobre posicionamentos da CCJ

A sessão ocorreu na manhã desta terça-feira (27) e, mesmo remota, o tempo quase “fechou” entre os vereadores Odon Bezerra (Cidadania) e Junio Leandro (PDT). Em discussão? A Comissão de Constituição, Justiça, Redação e Legislação Participativa (CCJ) e a gestão municipal, presidida por Odon Bezerra.

O ataque veio do vereador Junior Leandro que deixou a entender as posições “tendenciosas” da CCJ e afirmou que “não iria elaborar projetos para CCJ rejeitar e denunciou a falta de alimentação para os profissionais de saúde durante o ‘Corujão da Vacinação’. A resposta veio imediata de Odon Bezerra, da bancada de situação na Câmara Municipal.

“Vereador Junio Leandro, vossa excelência sabe que a Comissão de Constituição e Justiça não julga o mérito das matérias. Ela se restringe aos aspectos constitucionais, jurídicos, legais e as técnicas legislativas. Entendo que as causas defendidas por seu mandato são nobres e importantes para população, mas não podemos nos afastar da legalidade das matérias. Aconselho a vossa excelência recorrer da decisão para que o Plenário se posicione”, ressaltou o vereador, que é o presidente da CCJ.

Odon Bezerra informou que entrou em contato com o secretário municipal de Saúde e com a diretora da Vigilância Sanitária, que garantiram que todos os postos da vacinação durante o ‘Corujão’ receberam alimentação. De acordo com ele, o que ocorreu foram alguns atrasos. “Sei que o senhor tem recebido denúncias da falta de alimentos, mas fui informado que todos receberam alimentação”, ratificou.

O vereador Junio Leandro foi para a repica e reafirmou que diversos profissionais alegaram que não receberam alimentação durante o esforço noturno para vacinação contra o coronavírus na capital paraibana. “É uma pena que as nossas galerias estejam fechadas por conta dessa pandemia. Mas, sei que vai passar e poderemos receber nossa população para que ela mesma venha aqui para apresentar suas reivindicações”, declarou.

Da Redação com Ascom CMJP

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Categorias

%d blogueiros gostam disto: