Wilson Nascimento, presidente do Confiança de Sapé

Clubes “forçam” reunião na FPF para discutir a Segunda Divisão nesta quinta-feira (27)

Compartilhar

Equipes dizem que reunião convocada para o próximo dia 17 está muito distante

A 2ª Divisão do Paraibano de Futebol Profissional nem mesmo começou, mas, os problemas  entre os próprios clubes já começam a surgir. Um grupo de 10 equipes que admitem estarem “fechados” e não abrem mais espaços para outras times participarem da competição, prometem forçar à barra na tarde desta quinta-feira (27) para uma reunião extraordinária com a Federação Paraibana de Futebol. Os dirigentes admitem serem contrários a reunião do dia 17 de setembro convocada pela FPF para discutir a Segundona.

“Queremos apenas informações precisas, pois, tememos que no dia 17 de setembro sejamos pegos de surpresa com a reunião convocada sendo transformada em Arbitral. Essa reunião agendada está muito distante e não vemos razão alguma da federação antecipar as discussões da Segunda Divisão”, disse Wilson Nascimento, presidente do Confiança de Sapé que encabeça o grupo e que assinou ofício, já protocolado, pedindo a reunião para as 15h desta quinta-feira.

De acordo com Wilson, as 10 equipes que ele considera aptas a participarem da Segunda Divisão 2020 não querem problemas com ninguém, porém, não querem ser pegos de surpresa. “Precisamos que a FPF apresente de imediato o protocolo e as exigências da disputa. O dia 17 é muito distante. Não queremos problemas. Queremos informações para que possamos nos organizar”, afirmou o presidente do Confiança de Sapé.

Na concepção de Wilson Nascimento, equipes como Miramar, Spartax e Nacional de Pombal não devem participar da Segunda Divisão e a Federação tem por obrigação cumprir o que estabeleceu o Regulamento da Segundona em 2019. Esses clubes treriam sido rebaixados para a 3ª Divisão. Para o presidente do Confiança de Sapé, as equipes habilitadas para disputa o grupo de acesso â elite do futebol em 2021 são: Confiança, Internacional, Femar, Guarabira, Auto Esporte, Picuiense, Queimadense, Sabugi, Serrano e Esporte de Patos.

Até o fechamento dessa matéria (22h55) a reunião desta quinta-feira, dia 27, ainda não tinha sido confirmada pela presidente da FPF, Michelle Cardoso Ramalho.

Por Marcos Lima

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Categorias

%d blogueiros gostam disto: